Ascensão – o retorno do Ressuscitado

Imprimir

A ascensão de Cristo é um feriado cristão do qual poucas pessoas sabem algo a respeito. Ele se encontra “escondido” entre a Páscoa e Pentecostes. Entretanto, nele está embutido o imenso significado da salvação.

Jesus Cristo, o filho de Deus, tinha ressuscitado realmente. No domingo de Páscoa, bem cedo, as mulheres tinham ido ao sepulcro, mas o mesmo estava vazio. Talvez esta seja na realidade a sentença de força máxima em todo o Evangelho: “Seu sepulcro encontrava-se vazio!” As pessoas daquele tempo mal podiam crer e da mesma forma as pessoas nos dias de hoje. Elas ficaram impressionadas, aborrecidas, estavam irritadas, chocadas. Assim quase todos os sentimentos se apresentaram na ocasião. A alegria, a verdadeira alegria sobre o fato de Jesus Cristo ter ressuscitado somente foi constatada mais tarde.

40 dias na comunidade

40 dias o Ressuscitado ainda permaneceu em sua comunidade na terra. Ele se mostrava aqui e ali, deixava-se ver, deixava-se tocar. Isto está relatado em todos os Evangelhos, nos Atos dos Apóstolos e na primeira carta aos Coríntios. O período de 40 dias entre a ressurreição e a ascensão serve para Jesus se apresentar como o “vivo”, como aquele que venceu a morte.

O evangelho segundo Marcos relata com poucas palavras a ascensão ao céu. “Depois de lhes ter falado, o Senhor Jesus foi elevado ao céu e assentou-se à direita de Deus. Então, os discípulos saíram e pregaram por toda parte; e o Senhor cooperava com eles, confirmando-lhes a palavra com os sinais que o acompanhavam.” (Marcos 16: 19,20).

Ascensão significa cumprir uma missão

Em Atos estão relatados outros acontecimentos relacionados à ascensão do Senhor: “Tendo dito isso, foi elevado às alturas enquanto eles olhavam, e uma nuvem o encobriu da vista deles. E eles ficaram com os olhos fixos no céu enquanto ele subia. De repente surgiram diante deles dois homens vestidos de branco, que lhes disseram: ‘Galileus, por que vocês estão olhando para o céu? Este mesmo Jesus, que dentre vocês foi elevado ao céu, voltará da mesma forma como o viram subir”. (Atos 1:9-11)

Esta é uma sentença central da antiga congregação apostólica: Os apóstolos não devem olhar para trás para ver o Senhor, e sim para frente, realizar a sua missão e levar o evangelho para todo mundo. Sua missão somente estará cumprida com o retorno do Senhor.

Na cristandade antiga ainda não havia uma festa para relembrar a ascensão de Cristo. Somente no 4º século iniciou-se em algumas regiões da igreja oriental a celebração após o 40º dia depois da páscoa a festejar-se a ascensão de Cristo. Este costume também começou a se efetivar na igreja ocidental a partir do 5º século. Assim a festa da ascensão do Jesus ressuscitado pertence aos primórdios da fé cristã.

A confissão da igreja

Na confissão de fé apostólica diz que: “... ressuscitou dos mortos ao terceiro dia, subiu aos céus; e está sentado à direita de Deus, Pai todo-poderoso, de onde irá voltar para levar consigo os Seus, vivos e mortos.” Assim também está expresso no segundo artigo de fé da Igreja Nova Apostólica.

Jesus Cristo deu várias indicações referentes ao Seu regresso para junto do Pai (João 3,13; 16,28; 20,17). No 40º após a Páscoa subiu com os apóstolos ao Monte das Oliveiras e deu-lhes instruções para a sua missão.  Depois, foi “elevado às alturas e uma nuvem o recebeu, ocultou-o aos seus olhos”. Dois anjos deram aos apóstolos a promessa: “Esse Jesus, que de entre vós foi recebido em cima, no céu, há de vir, assim, como para o céu o vistes ir” (Atos 1,3-11).

Estas palavras estão expressas no nono artigo da profissão de fé novo-apostólica: “Creio que o Senhor Jesus há de regressar, tão certo como subiu ao céu.” (CINA 12.5.5). Nessas palavras é expressado o especial significado da salvação na ascensão.

Nac.today

Foto: Oliver Rütten/Trad. kbz

Autor:
 Peter Johanning

Datum: 14.05.2015 


Schlagworte:
Himmelfahrt, Kirchliche Feiertage

 

Eu amo Jesus 

... é por isso que visito doentes, ajudo o meu próximo e faço as minhas orações.


Com nac.today da Igreja Nova Apostólica, começou um novo meio de difusão. Com os relatórios do mundo todo, o novo magazine de notícias da Igreja Nova Apostólica Internacional (INAI) irá fornecer diariamente informações que sejam de interesse para os cristãos novo-apostólicos e leitores interessados. O conteúdo do novo magazine de notícias incluirá questões internacionais relevantes. Fazem parte delas, entre outras, questões sociais, relatórios detalhados sobre os anúncios da Igreja, bosquejos biográficos e artigos sobre história.

nac.today

nacworld

Nacworld é a rede social da Igreja  Nova Apostólica. Esta rede lhe oferece a oportunidade de fazer contatos em todo o mundo e cultivar amizades. Aqui você vai encontrar pessoas interessantes, vários temas sérios ou bem-humorados, imagens (fotos), vídeos e diferentes opiniões...O uso de nacworld é isento de custosPara se registrar nacworld você precisa apenas de um minuto, e assim passará a fazer parte dos ... 31187 membros que estão atualmente registrados no nacworld. Quantos deles você conhece? 

Nacworld está aberto à opinião.

  • Apóia entretenimento assistido
  • E-mail, chat, fórum, mídia, contatos
  • 24 horas/dia , 365 dias ao ano

Entre agora mesmo e faça parte.

https://nacworld.net/public

Copyright © 2018 Igreja Nova Apostólica. Template designed by olwebdesign.