Trabalhai, trabalhai, somos Servos de Deus!

Imprimir

Hoje é o típico dia em que é preferível ficar debaixo das cobertas. Está muito frio, mas ainda é cedo para dormir. Que bom que a tecnologia nos permite passar o tempo e cada um faz uso dela de diferentes formas. Na televisão os programas  não nos oferecem  boas atrações... Optamos então por um bom livro ou revista.

Ou entram em ação os tablets ou celulares que nos oferecem inúmeras possibilidades: ler, ouvir, assistir. Também não escapei desse meio de comunicação e fiquei procurando algo que me agradasse para assistir ou ouvir.

Assisti a um vídeo onde o Apóstolo Maior coloca em descanso o Apóstolo Rudolf Kainz (Áustria) em março de 2015, num Serviço Divino em Schaffhausen (Suiça)... Fiquei profundamente emocionada com as palavras do Apóstolo Maior. Além de fazer uma retrospectiva de seu trabalho na obra de Deus, manifestando seu profundo respeito e gratidão pelo trabalho que realizou com muita honra, dignidade e seriedade, o Apóstolo Maior relatou um momento muito especial que marcou sua vida ministerial: “Eu era jovem e subdiácono, e exatamente um mês depois de ter sido colocado como apóstolo, aos 33 anos, você nos serviu na França, num Serviço Divino com o Apóstolo Maior Urwyler. Fiquei impressionado das suas palavras, da sua presença como servo, do seu ativar. Você marcou minha vida ministerial com seus ensinamentos. A palavra do dia tinha a ver com a Rocha... e você disse as palavras ‘ficar firme na rocha, assim como as conchas do mar que se fixam firmemente nela’. Desde esse ativar, sempre fiquei atento a tudo o que vinha de você, da sua sabedoria, de seus ensinamentos, sempre mantive um olhar para tudo o que vinha de você.”

 O Apóstolo Maior tinha lágrimas em seus olhos e sua voz estava trêmula e embargada diante desse homem... Quanta honra para este servo. O Apóstolo Kainz com certeza não sabia o quanto tinha atingido o profundo da alma do Apóstolo Maior, na época, 34 anos atrás. Um ensinamento que se fixou na alma, se enraizou no seu coração.

Creio que cada irmão ou irmã tenha algum servo de Deus que inspire sua vida, que já deu algum exemplo que ficou gravado na alma, e se isso ainda não aconteceu, então busque. Sei que vão encontrar um servo de Deus que marcou ou marcará sua vida de fé com algum ensinamento. Se fizermos uma reflexão, com certeza nos lembraremos de palavras que recebemos e que tocaram nossos corações.

Às vezes fico triste, decepcionada e pensativa quando vejo irmãos cumprimentando a um servo com um "oi João, oi Pedro, ..." Na casa de Deus o servo recebeu um cargo: Diácono, Pastor, Evangelista, Apóstolo... É um título doado para o ministério que exercerá na casa de Deus, então isso deve ser valorizado e respeitado. O "João" passa a ser o "Pastor João"... É uma graça que ainda tenhamos servos e devemos valorizá-los com muito amor. Sua missão não é fácil e precisam muito das nossas orações.

Há algum tempo tive a graça de rever um servo que já está bem velhinho... Quando o reencontrei e abracei, contei-lhe que ele se tornou inesquecível entre os irmãos de diversos estados do Brasil. Suas inúmeras viagens em tempos onde tudo era difícil; viagens feitas em ônibus nem sempre confiáveis. Às vezes perdia um ônibus e só no dia seguinte conseguia viajar de volta para casa. Horas e horas viajando desconfortavelmente, estradas precárias, pistas simples... Será  que fazemos ideia do que seja isso? Estamos na era de viajar de avião, ônibus confortáveis, de carros com ar condicionado, até com aquecimento de banco, sensores para estacionar, etc ... Claro, nem em todos os lugares em nosso país é assim. Sabemos pelo noticiário o estado lastimável e perigoso de muitas estradas do país. Este amado servo bem idoso começou a relatar um pouco do seu tempo de trabalho na Obra de Deus e seus olhos brilhavam de alegria... Ele trabalhou com muito amor e muita, muita humildade e alegria!

Humildade, despojamento, simplicidade, sem confundir com modéstia, pois esta pode enganar... Quanto maior a humildade, maior a sabedoria, maior o respeito que temos por um servo! Maior a credibilidade, maior o crescimento de uma congregação. Se um servo souber se colocar "inteiramente" nas mãos de Deus e não deixar que o seu intelecto humano o domine, maior será o seu crescimento, maior seu conteúdo divino... E nós, almas, podemos fazer algo muito especial por eles: Nosso Pai celestial nos deu duas mãos. Que possamos usá-las para ORAR SEM CESSAR pelos nossos amados servos.

kbz

 

Eu amo Jesus...

porque Ele disse muitas vezes o quanto as crianças são importantes para Ele.

 


Com nac.today da Igreja Nova Apostólica, começou um novo meio de difusão. Com os relatórios do mundo todo, o novo magazine de notícias da Igreja Nova Apostólica Internacional (INAI) irá fornecer diariamente informações que sejam de interesse para os cristãos novo-apostólicos e leitores interessados. O conteúdo do novo magazine de notícias incluirá questões internacionais relevantes. Fazem parte delas, entre outras, questões sociais, relatórios detalhados sobre os anúncios da Igreja, bosquejos biográficos e artigos sobre história.

nac.today

nacworld

Nacworld é a rede social da Igreja  Nova Apostólica. Esta rede lhe oferece a oportunidade de fazer contatos em todo o mundo e cultivar amizades. Aqui você vai encontrar pessoas interessantes, vários temas sérios ou bem-humorados, imagens (fotos), vídeos e diferentes opiniões...O uso de nacworld é isento de custosPara se registrar nacworld você precisa apenas de um minuto, e assim passará a fazer parte dos ... 31187 membros que estão atualmente registrados no nacworld. Quantos deles você conhece? 

Nacworld está aberto à opinião.

  • Apóia entretenimento assistido
  • E-mail, chat, fórum, mídia, contatos
  • 24 horas/dia , 365 dias ao ano

Entre agora mesmo e faça parte.

https://nacworld.net/public

Copyright © 2018 Igreja Nova Apostólica. Template designed by olwebdesign.